Arquivo do mês: setembro 2011

O “fim” da D&G

Como falei no post anterior, a marca D&G chegou ao fim. Durante 20 anos a grife, que era a linha mais jovem e barata da Dolce and Gabanna, foi sucesso absoluto com produtos que iam de perfume à bolsas e acessórios, e obviamente as tão cobiçadas roupas. Mas nem tudo está perdido! No comunicado que Domenico Dolce e Stefano Gabbana enviaram para a imprensa logo após o desfile da última coleção, os designers justificavam o fim da marca como estratégia para focar na marca principal, deixando claro que ela não deixará de existir, mas será absorvida pela marca mãe. Para eles a decisão dará ainda mais força e energia para as coleções que criam.
Selecionei algumas fotos das coleções passadas da grife, para relembrar os diferentes estilos da D&G durante esses 20 anos.

D&G através dos anos

Anúncios

Milão Fashion Week: Parte I

Como vocês já devem saber, a temporada de moda foi aberta desde o início do mês com a New York Fashion Week, seguida da London Fashion Week e agora a Milan Fashion Week, que vão nos mostrar quais serão as tendências da próxima estação. Infelizmente não tivemos tempo de fazer uma cobertura completa das semanas de moda de NY e Londres, mas vamos tentar compensar com a de Milão, e depois com um resumão sobre as novas tendências. Ebaa!

E que grife melhor que a Gucci pra abrir o primeiro dia de MFW? A grife italiana investiu em uma coleção cheia de glamour, que remetia bastante ao estilo dos anos 20. Vimos também a presença marcante de algumas das grandes tendências atuais, que pelos desfiles das últimas semanas que vi não vão a lugar algum, como as franjas e as transparências.

Diferente da Gucci, o desfile da grife Alberta Ferreti foi mais colorido, mas também remetendo à tendências da última temporada, como a transparência e o color block. Tecidos leves e estampas primaveris também foram destaque na grife italiana.

E se Alberta investiu nas cores, o desfile da Max Mara foi na direção contrária, dando ênfase as cores cruas e tons pastel. As cores terrosas só se misturaram com o azul turquesa em alguns momentos do desfile. Os cortes retos, transparência e o couro foram também destaques na coleção.

O desfile da Fendi foi uma coisa de lindo. Um dos meus preferidos, e dificílimo de escolher apenas algumas peças pra mostrar pra vocês. A coleção comandada pelo kaiser Karl Lagerfield, foi bem feminina, com muita cintura marcada, misturas de estampas e ombros vasados. As camisas masculinas também foram destaques, sendo usadas das mais variadas formas e proporções.

O desfile da D&G foi outro que estava impecável. Sabe aquela coleção que lhe enche os olhos? Foi essa! Sem contar o sentimento nostálgico que o desfile deu, já que foi o último da marca (post sobre o assunto daqui a pouco). A coleção inteira parece ter sido um tributo a tudo que a D&G foi nos últimos anos, uma marca jovial, sempre com estampas alegres e cores fortes. As estampas-lenço beeem coloridas estavam em todas as peças da coleção, dos vestidos aos sapatos.

E por último, a Prada trouxe uma coleção inspirada em carros!!! Isso mesmo, Miuccia Prada se inspirou nos carros para produzir suas novas peças, o que acabou resultando em uma coleção linda e super feminina. Não eram só nas estampas óbvias de carros que podemos ver a inspiração da estilista, mas também nas estampas de labaredas em vestidos de tecidos leves e delicados. Estampas florais, plissados, mid drifts e rendas bem miúdas também estavam bastante presentes na coleção.

E esse foi o primeiro post dos desfiles da Milan Fashion Week. Pra não ficar muito cansativo, vamos postando ao longo da semana o resto dos desfiles.

Michelle Williams na capa da Vogue US

Vocês sabiam que a atriz Michelle Williams (vai ser sempre a Jen de Dawson’s Creek pra mim hehe) vai viver a Marinly Monroe no cinema? Pois é, a atriz vai estrelar o filme My Week With Marilyn, que tem roteiro baseado nos textos do escritor inglês Colin Clark, que a acompanhou de pertinho durante uma semana em 1959.
E foi inspirada no último trabalho da atriz que a Vogue produziu a capa de outubro da edição americana, com fotos assinadas por Annie Leibovitz. Não precisa nem dizer que o resultado ficou lindo né?! A caracterização ficou perfeita, e quem conhece o trabalho de Michelle (Blue ValentineBrokeback Mountain), sabe o show de talento que é essa moça, com certeza não vai ser diferente nesse filme.


A gente adora um editorial, e não poderíamos deixar de compartilhar com vocês. 

E aí meninas, o que acharam?

Street style

Hoje vamos estrear uma nova tag no blog: o street style. Sempre gostamos de postar looks inspiradores de gente da gringa, mas tivemos a idéia de valorizar o estilo do pessoal da nossa região, até porque o que não falta é gente estilosa por aqui. Por isso, semanalmente (não decidimos ainda um número certo de posts por semana) vamos postar looks de gente estilosa e criativa que vemos por aí, o famoso street style, sejam de amigas nossas ou pessoas que nos chamem atenção na rua, no shopping, ou em qualquer outro lugar.
E a primeira escolhida do blog foi uma grande amiga nossa, Renata Dias
Estilosa como ela é e super ligada nas trend alerts da vida, Renatinha apostou em uma das tendências da temporada, e que segue na próxima, que é a camisa de botões fechados, com os famosos statement necklaces usados por cima da peça. Pra comepletar o look, Renata usou short jeans surradinho de cintura alta, bolsa de moletom Alexa inspired e oxford na cor camelo.

Ah, também não podemos esquecer de falar do colar by MC Acessórios, uma prévia do que está por vir na coleção verão da marca, e das double cuffs “improvisadas” (pra quem não sabe, normalmente são usadas braceletes mais grossos como double cuffs), outra tendência que fica na próxima temporada.

Achamos o improviso de Renatinha bem criativo, afinal de contas, nada melhor do que dar um descanso no bolso e usar aquelas pulseirinhas que já temos em casa para dar um up no visual.

 



Desfiles do NYFW inspirados nas artes plásticas e arquitetura

Achamos sempre interessante quando a moda se liga a outros tipos de arte, e foi isso que aconteceu na New York Fashion Week na semana passada. Grande parte dos estilistas se inspiraram em obras arquitetônicas e nas artes plásticas de artistas famosos para criar suas coleções de verão 2012.
Umas das fontes de inspiração foi o quadro “Sadko in the Underwater Kingdom” da artista Ilya Repin que serviu de inspiração para a nova coleção da grife Marchesa. A marca também usou como referência, as águas-vivas do biólogo e artista Ernst Haeckel, como fonte de inspiração para as franjas e formatos das peças confeccionadas para o novo desfile.

Carolina Herrera se inspirou nos traços geométricos e nas cores vibrantes da Escola Bauhaus, que foi uma escola de design, artes plásticas e arquitetura que funcionou na Alemanha entre 1919 e 1933, e foi precursora do Modernismo.

O estilista Doo Ri Chung se inspirou no trabalho do ilustrador britânico Aubrey Beardsley, famoso por influenciar o desenvolvimento da Art Nouveau. Sua coleção tinha uma paleta de cores sóbria, e estampas inspiradas em desenhos japoneses.

Já o designer Derak Lam se inspirou na arquitetura modernista de Richard Neutra, especialmente na Kaufman House, uma das maiores obras do arquiteto construída em 1946, e localizada em Palms Springs.

Coleções lindas e cheias de criatividade!

Emmys 2011: Minka Kelly, Katie Holmes e Kaley Cuoco

E pra finalizar os posts do red carpet do Emmy Awards, selecionamos os últimos três looks que mais gostamos do evento.
Uma das nossas preferidas da noite foi a atriz Minka Kelly, que usou um vestido Christian Dior. Ai gente, precisa de comentários? É Dior né?!

Katie Holmes optou por um Calvin Klein minimalista, na cor que vai bombar nesse verão, principalmente pra quem gosta de usar color block: o azul cobalto. Amo os vestidos minimalistas de CK, nesse azul então, nem se fala!

E por último, vai o look da atriz de The Bing Bang Theory, Penny Kaley Cuoco. Assim que vimos o vestido Romona Keveza na TV, caímos de amores, e nem o comprimento nos fez gostar menos. Os acessórios vermelhos deram um ponto de cor bacana no look!

E aí meninas, o que acharam dos looks dessa noite?



Emmys 2011: Heidi Klum

Heidi amiga, quem fez essa maldade com você? Ah, a gente sabe! Foi o Christian Siriano, vencedor da 4ª temporada do Project Runaway, programa que a Heidi apresenta. Apesar dos pesares, o vestido é super bem feito e não chega a ser feio, apenas conceitual demais para o evento. Também achamos bacana que ela tenha prestigiado o trabalho do Christian, uma boa forma de incentivar os novos designers do programa.